Imunização: Arujá irá vacinar 360 profissionais da Saúde de grupos de risco com a primeira remessa

Prefeitura se reúne com comerciantes da Avenida Amazonas para alinhar ações contra aglomeração
19 de janeiro de 2021
Secretaria de Saúde atualiza casos de Covid-19
20 de janeiro de 2021
Show all

Imunização: Arujá irá vacinar 360 profissionais da Saúde de grupos de risco com a primeira remessa

Na tarde de hoje (19), o prefeito de Arujá Luis Camargo, o Dr Camargo, e o secretário municipal de Saúde, Márcio Knoller, concederam uma entrevista coletiva à Imprensa na Sala de Reuniões da Prefeitura, onde responderam aos questionamentos dos jornalistas sobre como será o desenvolvimento da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 na cidade e quantas doses deverão ser enviadas pelo governo na primeira remessa de vacinas, previstas para chegar entre hoje (19) e amanhã (20), porém, ainda sem confirmação da data exata.
De acordo com o que foi divulgado pelo próprio governo estadual e pelo Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), Arujá receberá 720 doses que darão para vacinar, em duas etapas (1ª e 2ª doses), 360 profissionais de saúde, que foram selecionados de acordo com o grau de risco e prioridade. Não há, entretanto, previsão para quando chegam mais doses após esse primeiro envio.
O prefeito abriu a série de entrevistas comentando sobre os dados atualizados da Covid no município e pediu ajuda à população para evitar aglomerações. “Vamos editar, provavelmente, um decreto na quinta ou sexta-feira, dando alguns parâmetros, traçando um norte para a regulamentação do funcionamento dos bares e restaurantes, que tem sido uma demanda muito grande que nos têm chegado. Essa medida que pretendemos tomar tem caráter preventivo e sempre com base no diálogo. Não se pode atribuir culpa ao dono do estabelecimento, que está ali para trabalhar e atender. Mas o que temos que fazer é nortear as ações, em relação ao distanciamento, quantitativo de pessoas e horários, para diminuirmos o risco de contaminação na nossa cidade”, adiantou Dr Camargo.

Em relação à quantidade prevista inicial de vacinas que deverão chegar no primeiro lote, para Arujá, Camargo completou que não é o ideal, que a expectativa é grande para vacinar o maior número de pessoas possível, a curto prazo, e que espera que o governo do estado ajuste o critério de distribuição das vacinas para beneficiar todos os municípios. “Já vistoriamos ontem (18) o ginásio Habib Tannuri e o secretário já está vendo os preparativos para as baias para vacinação. Então, chegando as vacinas hoje, a gente começa a vacinar amanhã”, assegurou.

O secretário de Saúde do município, Knoller, pontuou que as primeiras doses deverão ser destinadas aos profissionais de saúde que possuem comorbidades, estão no grupo de risco ou na linha de frente nas UTIs Covid e nos serviços de urgência e emergência. “Nosso contingente de profissionais de saúde hoje chega a 1500, entre os da rede pública e privada. Esperamos que as doses cheguem o mais rápido possível, pois hoje estamos preparados, se for preciso, para vacinar a toda a cidade. Peço um pouco de paciência para a população, pois a vacina vai chegar aos poucos para todos. Portanto, é importante manter a distância, evitar aglomeração e continuar usando máscara e se protegendo”, concluiu.

Os comentários estão fechados.

Leitor de Páginas Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support